25 junho 2013

O inferno são os outros...

Não, não são só os 20 centavos... é o povo mesmo:

Não é exagero, isso foi meu dia de HOJE:

- Na obra o piso que havia acabado de ser lixado e tinha sofrido aplicação de resina está cheio de manchas porque a "empresa" que instala o aquecedor solar Soletrol deixou o serviço pela metade (faz 2 semanas que ela ia acabar o serviço que está um mês e meio atrasado) e esqueceu de avisar que deixou várias telhas faltando e quebradas. A Soletrol diz que não é com ela (puxa... mas foi ela que recebeu meu primeiro telefonema, quando eu só sonhava com aquecedor solar) e a tal "empresa" - Dinamica aquecedores, se não brigarmos muito, se compromete a terminar a instalação, semana que vem.

- Eu pago o SUS, mas não tenho coragem de usá-lo... então pago também o plano da Sul América, que não tem um pediatra que atenda decentemente, então pago por fora uma pediatra em quem confio, que está com a agenda lotada (mas faz questão de dizer que o Brasil não precisa de mais médicos). Como a agenda está lotada, levamos o Deco ao PS do Santa Catarina, que está com fila de 2 horas no Pronto Socorro... Aproveito para informar que não, eu não pego duas notas com a pediatra pelo mesmo atendimento para pedir reembolso no plano... isso não é só feio, é crime mesmo. 

- Chego no escritório e dou de cara com sacos e sacos de entulho, que foram largados ao lado do terreno que desde 1980 fazemos a manutenção para a prefeitura (significa que todo mês pago um jardineiro para manter o lugar limpo e arrumado, além de ter plantado na área diversas árvores frutíferas.. sim, minha avó já fazia isso à muitos anos). A vizinha da frente, ao ser consultada, diz que viu o caminhão da empresa que vende material de construção ali hoje descarregando. Confrontado, o cara da loja diz que não sabe de nada... em OFF a esposa dele diz que pode ser que o cara do caminhão tenha passado a perna nele e pegado um bico para carregar entulho de alguém (e obviamente ao invés de levar o entulho ao aterro, largou  no meio de outra rua mesmo). A vizinha diz que chamou a prefeitura e fala para eu ficar atento, ou posso ser multado.

- O Itaú, novamente, mudou o sistema e novamente, para nossa segurança, bloqueou pagamentos de funcionários...

Enquanto isso, tem gente que acha que o problema são os políticos lá em Brasília....

13 junho 2013

Tarifa zero, quem ganha com isso?

Algumas observações, porque o diabo mora nos detalhes:
- Não existe transporte público gratuito... o dinheiro tem de sair de algum lugar e invariavelmente, com tarifa zero, ele sairá dos cofres públicos.
- O governo brasileiro não produz, logo não tem dinheiro dele nos cofres públicos, o dinheiro que lá está é de quem trabalhou, aproximadamente 5 meses no ano para pagar impostos... se sair a passagem livre, vamos ter de aumentar os impostos (trabalhando ainda mais tempo para o governo), ou deixar de investir em outras prioridades, ou aumentar a inflação (aumento do deficit público = mais impressão de moeda = mais inflação).

Eu como sou dono de empresa, vou achar ótimo a tarifa ZERO... isso porque eu pago vale transporte para meus funcionários. SIM, quem mais gasta eu transporte público são as empresas que tem muita mão de obra, como a minha escola... Tarifa zero será ótimo para essas empresas.

Vamos detalhar: Isso ocorre porque o governo acha que as pessoas são imbecis que não tem capacidade de gerir o próprio dinheiro e precisam que o patrão separe uma parte do salário delas para pagar transporte... senão elas vão torrar tudo em roupa de marca e pinga. Eu acho que as pessoas deviam decidir o que fazer com o próprio dinheiro, deviam ter um salario maior,  e não deviam ter vale transporte, ai o cabra podia escolher vir de bike e enfiar a grana no bolso... para mim vale transporte é o fim (assim como todos os outros "direitos", que na prática são mordidas no que você devia receber)...

Tarifa zero e aumentar imposto para pagá-la é aumentar a parte da economia que o governo toma conta... eu acho que nosso governo não sabe tomar conta do dinheiro em que põe a mão, em geral gasta mal e com corrupção, então não gosto da proposta de um ponto de vista "capitalista"... mas como sou patrão e sou capitalista malvado, e já disse ali atrás que provavelmente nesse modelo vou gastar menos com transporte pois os impostos serão sobre todos... estou achando a proposta até legal. É isso ai, TARIFA ZERO!

Claro, o fato que o transporte público é mal gerido, está na mão de uma pequena máfia, associada a esse governo para o qual vocês querem dar mais dinheiro, me incomoda um pouco... como capitalista malvado, eu queria uma solução de livre mercado..., aumento de concorrência entre as empresas de ônibus, concorrências para trechos menores facilitando que mais empreendedores possam jogar esse jogo, essas coisas... Mas as pessoas preferem viver na ilusão... Elas não gostam da ideia capitalista de dar dinheiro para o cidadão decidir onde quer gastar... Veja a diferença: dar dinheiro para o cara estudar funciona (por exemplo é o que faz o governo federal no Pró-uni). Entretanto muitas pessoas querem que toda a verba pública de educação seja dada para uma USP, ai fica mais fácil de uma pequena parcela tomar conta desse monte de dinheiro... Elas não querem que o governo libere a concorrência entre hospitais e planos de saúde e o cidadão escolhe onde vai se tratar..., nós preferimos um sistema como o SUS... o resultado é essa beleza ai. Tudo é responsabilidade do governo, tudo é prioridade, logo nada é A prioridade e nada é bem feito.

Vamos entender:
Capitalismo - você decide o que faz com o seu dinheiro.
Socialismo - o governo decide o que faz com o seu dinheiro.

Políticas distributivas são aceitáveis em qualquer um dos dois sistemas... não é absurdo o governo recolher impostos e repassá-los a população... Absurdo é achar que as soluções para as ineficiências dos sistemas públicos seja aumentar a responsabilidade pública sobre o sistema.

Como disse o Ale Straub... mercado livre é melhor que catraca livre...

ISOLAMENTO